Sexta-feira, 4 de Janeiro de 2008

Palavras que nunca esquecerei

“Estou farta de ti”

Foram estas as palavras que ouvi,

No último dia do ano, pela pessoa que mais amo!

Ouvi e… Fiquei ali

Sem saber o que haveria de fazer.

Por momentos pensei…

Até mesmo ir embora;

Mas não… Fiquei ali

Triste, magoado, a sofrer

Com tão duro pensar.

Passou-me mil e uma coisas pela cabeça

Mas nada consegui fazer;

Afastei-me, retirei-me, por dentro a chorar.

Foi triste… fiquei desolado

Pensando se valeria a pena ali continuar!

Continuar assim deprimido, magoado…

A partir desse dia tenho-me questionado;

Tenho feito mil e uma pergunta

Mesmo sem existir pergunta alguma!

Tenho pensado

Mesmo não havendo pensamento algum!

Tenho tentado chegar a uma conclusão

Sem existir conclusão alguma…

Tais palavras mudaram-me muito,

Não sei se para melhor ou para pior…

Apenas sei que…

Serão palavras jamais esquecidas…

 

 

sinto-me: magoado
publicado por bafito às 16:43
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.Sobre mim

.As minhas visitas

.Maio 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Poesias recentes

. Para ser feliz

. ...

. Voltei....

. Para ti minha...

. DISTANCIA QUE AFASTA

. vagando pela estrada da v...

. te procuro

. escrevi e tornei a escrev...

. muito cansado

. para ti minha querida

.Poesias arquivadas

. Maio 2013

. Outubro 2011

. Abril 2010

. Janeiro 2009

. Outubro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Junho 2007

. Abril 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.tags

. todas as tags

.As minhas visitas

blogs SAPO

.subscrever feeds