Terça-feira, 24 de Outubro de 2006

Pode ser mais um poema

 Pode ser mais um poema
 Que acabo de escrever,
 Mas não é  um poema;
 É um desabafo de quem esta a sofrer!
 Tudo à mais de 3 anos terminou,
 E ainda sinto dor no meu coração.
 Como a amava ninguém imaginou,
 Mas... doeu, doeu muito quando houve a separação;
 Sofri muito! Pela vida... novamente lutei,
 Pela felicidade que terminara.
 Ser feliz? jamais... jamais serei!
 Pois ela me levou tudo o que conquistei
 Levou meu pensamento,
 Levou meu coração,
 Levou minhas memórias,
 Levou a minha alma...
 Levou tudo, menos o sofrimento
 Que eu vivo ao tentá-la esquecer.
 Dói, sabe foi muito feliz ao seu lado
 Mas optou pela tristeza e amargura
 Que alguém lhe dava!
 Voltou para alguém por pena...
 Mas se esqueceu que...
 Quem a amou de verdade
 Estava sempre por perto
 Nos momentos mais difíceis;
 E ainda hoje passado muito tempo
 Ainda esta a sua espera.
 E renunciando a felicidade
 Vou continuar a espera para sempre.

 

 


 Eis um dos muitos desabafos que escrevo para dizer que estou cansado desta vida
 onde tudo corre mal e onde já não deve existir lugar para a minha felicidade.
 Vive-se por viver a espera que... um dia alguém faça acreditar que vale a
 pena.

sinto-me:
publicado por bafito às 15:39
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Meu Deus

Meu Deus, o que fiz eu

Par ser assim castigado?

Não fiz nada de mal, apenas amei!

Talvez esse amor fosse um pecado

Mas acho que já o paguei!

Meu Deus, o que fiz eu?

Não pensei… estava apaixonado

E… simplesmente me entreguei.

Mas…mesmo sofrendo te digo obrigado!

Porque… foi feliz, algo que nunca mais serei!
Posso ter saído magoado

Mas… te prometo que ninguém magoar pensei;

Pena? Tenho, porque tudo acabou.

Pena, tenho, porque tudo terminou.

Logo agora, que… que tinha encontrado a felicidade!

Porque razão terei eu que sofrer?

Porque razão não posso eu amar?

Será que sairei sempre a perder?

Pensei que ia parar de chorar,

Amei como jamais vou amar alguém!

A ferida novamente se abriu

E… mais uma vez… me magoou.

Pensando agora que poderia ser feliz

Me entreguei, simplesmente, e… sofri!

Mas porque? Que fiz de errado?

Novamente, te pergunto:

Meu Deus, o que fiz eu?

Será que amar é pecado?

 

 

sinto-me:
publicado por bafito às 15:20
link do post | comentar | favorito

.Sobre mim

.As minhas visitas

.Maio 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Poesias recentes

. Para ser feliz

. ...

. Voltei....

. Para ti minha...

. DISTANCIA QUE AFASTA

. vagando pela estrada da v...

. te procuro

. escrevi e tornei a escrev...

. muito cansado

. para ti minha querida

.Poesias arquivadas

. Maio 2013

. Outubro 2011

. Abril 2010

. Janeiro 2009

. Outubro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Junho 2007

. Abril 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.tags

. todas as tags

.As minhas visitas

blogs SAPO

.subscrever feeds